Nota de posicionamento quanto ao Sistema de Cálculo do ICMS ST


A Diretoria da Associação Comercial e Industrial de Ijuí trouxe à pauta as reivindicações de seu quadro associativo em relação as preocupações da classe empresarial quanto ao atual sistema de cálculo do ICMS ST. O assunto foi abordado entre os associados em reunião mensal realizada no dia 07 de novembro e a entidade comprometeu-se a buscar um posicionamento efetivo da Federasul em defesa dos interesses da categoria.

A posição do quadro associativo da ACI de Ijuí é de que o atual modelo vem penalizando de forma irresponsável o setor produtivo empresarial gaúcho, promovendo um cenário de desigualdade competitiva em relação aos demais estados e um ambiente desfavorável para os investimentos, o que causará reflexos inevitáveis para desenvolvimento econômico do RS através da redução dos postos de trabalho, da geração de renda e das iniciativas de inovação na iniciativa privada.

Diante disto, e na condição de entidade representativa da classe empresarial, reiteramos o posicionamento de INCONFORMIDADE com o atual sistema de cálculo do ICMS ST e pedimos a imediata REVOGAÇÃO da proposta que prevê a majoração a partir de janeiro de 2020.

Entendemos que o Governo Gaúcho deva procurar alternativas efetivas, inovadoras e corajosas para combater a crise e conter os gastos públicos antes de, mais uma vez, penalizar a classe produtiva empresarial, principal responsável pela geração de riquezas, oportunidades e pelo fomento à inovação e ao desenvolvimento econômico de nosso estado.

Esta é a nossa posição e é a posição que esperamos de nossos representantes nas entidades empresariais do RS, em favor da justiça fiscal, da redução dos tributos e do clamor da classe produtiva empresarial que orgulhosamente representamos.

Nilo Leal da Silva

Presidente da Associação Comercial e Industrial de Ijuí.


Nota de posicionamento quanto ao Sistema de Cálculo do ICMS ST



Publicação: 12/11/2019